8 hacks para aplicar em suas campanhas de anúncios no Facebook Ads

02/11/2018

Tempo de leitura: 6 minutos

Campanhas genéricas e sem resultados nunca mais! Conheça nossos hacks para dar um gás nos seus anúncios no Facebook e melhorar o retorno do seu investimento.

Os anúncios no Facebook Ads são uma excelente estratégia de mídia paga para gerar leads e criar oportunidades efetivas para sua agência ou seus clientes. Porém, a rede social tem lá suas peculiaridades, o que exige técnicas avançadas. Com elas, suas campanhas poderão aproveitar todo o potencial de conversão da plataforma.

Se você quer deixar de ficar refém do alcance orgânico e otimizar seus resultados, acompanhe estes 8 hacks para melhorar seus anúncios no Facebook!

1. Instale o pixel do Facebook antes de começar

Não há como melhorar um resultado se você não puder mensurá-lo, não é mesmo? É por isso que o Facebook criou o pixel, uma ferramenta que permite identificar quais dos seus anúncios tiveram a melhor performance. Trata-se de um código HTML fornecido pela plataforma para instalar no seu site. Suas principais funções são:

  • calcular as taxas de conversão;
  • criar uma lista de remarketing;
  • criar um público semelhante, como veremos adiante.

O pixel do Facebook está disponível no Gerenciador de Negócios. Acesse o menu no canto superior esquerdo, clique em “Todas as ferramentas” e procure a opção “Pixels”.

2. Inicie com pouco investimento e vá aumentando

Ainda que você ou seu cliente estejam com pressa para ver os resultados acontecerem, o ideal é ter paciência e começar devagar. Isso porque o tempo médio para que uma campanha possa performar é de 10 dias, em média. Realizar qualquer mudança antes desse prazo pode atrapalhar o andamento da estratégia e confundir a plataforma.

Portanto, em vez de despender um alto investimento na tentativa de fazer a campanha bombar logo de cara, comece com um valor baixo. Aguarde até que os anúncios deem os primeiros resultados para, só então, incrementar o investimento. Uma ótima maneira de experimentar a plataforma é fazer testes A/B dos anúncios no Facebook.

3. Use o URL Builder para monitorar o tráfego

Identificar a origem do seu tráfego é fundamental para mensurar a efetividade dos seus anúncios no Facebook. O URL Builder é uma ferramenta que auxilia seu negócio nesse monitoramento. Ela é indicada, principalmente, nos casos em que é preciso diferenciar a origem do tráfego pago e do orgânico.

O Google criou essa alternativa justamente porque o Google Analytics não permite essa diferenciação. Para monitorar seu tráfego, adicione as tags em “Marcações de URL” na opção avançada do anúncio do Facebook Ads. Para saber mais, veja como monitorar links e dados da sua campanha usando o URL Builder.

4. Direcione seus esforços para públicos semelhantes

Os públicos semelhantes, como já mencionado, também são conhecidos como Lookalike Audience e costumam apresentar uma ótima performance. Sua principal função é aumentar a audiência dos seus anúncios no Facebook por meio de uma aproximação entre quem já é usuário e quem ainda pode se tornar.

Para criar uma audiência customizada, a plataforma usa como base características comuns como sexo, gênero, idade, região, interesses etc. Dessa forma, o Facebook busca os perfis mais semelhantes aos originais e que apresentam potencial para se tornarem leads ou até mesmo clientes.

5. Monitore a frequência dos anúncios no Facebook

A não ser que você escolha a opção “Alcance único diário” e faça o Facebook exibir o anúncio uma única vez por dia para cada usuário, o ideal é controlar a sua frequência. Para que a campanha não se torne repetitiva, o ideal é que ela apareça, em média, 3 vezes no feed de notícias e 10 vezes na coluna de anúncios à direita da tela.

Isso é essencial para diminuir o custo de aquisição. Você pode avaliar esses dados ao selecionar a opção “Desempenho e cliques” e observar a coluna “Frequência”. Se os valores estiverem superiores a esses, você pode otimizar a campanha de 3 maneiras:

  1. substituindo a imagem principal do anúncio;
  2. aplicando textos mais atraentes nas legendas;
  3. produzindo novas peças e segmentações.

6. Produza anúncios diferentes para o remarketing

As novas artes para os anúncios também são superindicadas para uma estratégia de remarketing. Como é o caso dos visitantes do seu site, que podem ser impactados pelos seus anúncios no Facebook. Sobretudo aqueles que passaram por páginas de planos e preços, de pontos de venda ou que deixaram um produto no carrinho.

Considere que esses usuários estão em um momento avançado da jornada de compra. Logo, diferente da fase de atração, seu anúncio precisa ser mais direcionado. Use o conceito de marketing visual e produza novas artes com textos, imagens e landing pages voltadas à conversão para aumentar as suas oportunidades.

7. Gere leads utilizando o Facebook Leads

O Facebook também oferece uma ferramenta exclusiva para seu negócio aumentar seus leads por meio da divulgação de materiais ricos. Selecione seus melhores conteúdos e promova anúncios no Facebook Leads, direcionando a campanha para um público que ainda não teve contato com a sua marca e tem potencial de fechar negócios.

Com o Facebook Leads, você pode oferecer conteúdos atraentes para sua persona em troca de informações estratégicas como e-mail, área de atuação, interesses etc. A vantagem é que não é preciso criar uma landing page, já que a plataforma oferece um formulário que substitui totalmente esse recurso.

8. Acompanhe as mudanças da plataforma

Recentemente, o Facebook anunciou que está descontinuando os posts em carrossel das páginas. A princípio, o formato está disponível para anúncios restritos aos objetivos de conversão e tráfego. Apesar dessa informação não estar explícita, a plataforma costuma apresentar as novidades na sua Central de Criativos.

Favorite essa página no seu navegador e acesse-a diariamente se quiser continuar explorando todo o potencial dos seus anúncios no Facebook. É por lá que você vai ter acesso em primeira mão às novidades da plataforma, principalmente, os novos formatos de anúncios e suas especificações técnicas.

No fim das contas, tudo é uma questão de tempo e de controle. Ao aplicar esses hacks nos seus anúncios no Facebook Ads, você vai poder colher bons resultados mesmo com um orçamento limitado.

Algumas dessas dicas foram extraídas do treinamento “Hacks de Facebook Ads”, disponível na nossa plataforma. Para ter acesso a esse conteúdo e muitos outros recursos, conheça as vantagens do Clint Hub para agências!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.