Anúncios dinâmicos do Google Adwords: como começar

30/04/2018

Tempo de leitura: 5 minutos

Você sabe o que são anúncios dinâmicos do Google Adwords? Se a resposta é não, não se preocupe, a maior parte dos anunciantes não conhece ou nunca utilizou esse recurso. Mas, a partir de hoje, sua vida será diferente. Prepare-se para descobrir a “mágica do Adwords”!

Mesmo não conhecendo os anúncios dinâmicos, você já deve ter ficado impressionado como grandes lojas conseguem fazer anúncios perfeitos para o produto que você está procurando, até com o nome do produto no título, mesmo a empresa tendo milhares de produtos para anunciar! E você deve se perguntar quantos estagiários essa empresa deve ter para criar uma campanha para cada produto e manter tudo atualizado, pausar campanhas de produtos fora do estoque, etc.

Mas o segredo é o seguinte: quem faz tudo isso é o “estagiário” robô do Google! E agora você vai aprender a fazer ele trabalhar para você.

Os anúncios dinâmicos servem para a minha empresa?

Antes de tudo, você precisa saber que esse modelo de anúncio não é indicado apenas para e-commerces gigantes. Se você tem um site com uma diversidade de produtos, os anúncios dinâmicos, além de terem um grande potencial de trazer mais resultados em conversão, irão gerar um trabalho imensamente menor do que configurar manualmente todas as campanhas.

Esse tipo de anúncio não é indicado apenas em casos onde:

  • o site em questão é muito pequeno, com poucas URLs e pouca diversidade de produtos, algo como meia dúzia de produtos específicos;
  • o site é alterado frequentemente, como sites de ofertas diárias.

O que fica automático na minha campanha?

Quase tudo! A campanha de anúncios dinâmicos irá varrer todo o seu site e gerar automaticamente as palavras-chave para as quais seus anúncios serão ativados, assim como o título e a URL final dos anúncios. Só é necessário fazer uma descrição para o anúncio, um único texto de 80 caracteres para TODA a campanha, e não para cada produto. Genial não é mesmo?

Edição do anúncio no Adwords

Eu posso limitar quais produtos serão anunciados?

Não só pode como deve! Você pode criar campanhas com orçamentos distintos para produtos distintos, de acordo com a estratégia que melhor se encaixa para você. Mais orçamento para produtos de maior valor agregado normalmente é uma boa estratégia.

Para fazer isso, basta ir no grupo de anúncios e fazer essa segmentação por categoria do site (identificada automaticamente pelo Google) ou então por algum termo que estará presente na URL, no título ou no conteúdo das páginas. Assim fica fácil definir quais produtos serão exibidos. Também é possível fazer o caminho inverso e escolher quais produtos NÃO serão exibidos na campanha, através da segmentação negativa.

Ponto-chave para sucesso com anúncios dinâmicos

Gerar campanhas automáticas para o seu site, economizando horas e horas de trabalho, é maravilhoso, mas também é importante algumas configurações para que essa campanha de anúncios dinâmicos tragam resultados cada vez melhores para sua empresa. Existem alguns pontos básicos e fundamentais de serem acompanhados.

Não exibir produtos que estejam fora do estoque!

Com certeza você não quer fazer um anúncio para um produto que você não pode vender naquele momento. Então precisamos pausar automaticamente todas campanhas para produtos que estejam nessa situação! Felizmente isso é fácil de fazer. Basta ir na sua campanha, em “Segmentações dinâmicas de anúncios” -> “Segmentação negativa de anúncios dinâmicos” e criar uma segmentação negativa onde o conteúdo da página contenha a palavra “Fora de estoque” ou “Esgotado”. Assim, essa palavra vai depender do que está escrito no seu site.

Negativar termos de pesquisa irrelevantes para seus produtos

O Google vai buscar anunciar seu produto para os termos de pesquisa mais relevantes baseado no conteúdo da sua página, mas vamos combinar que às vezes ele não é tão inteligente assim. Por exemplo, se você vende carros novos, não vai querer aparecer em buscas de “carros usados”, não é? Então você deve continuamente verificar os termos de pesquisa da sua campanha e negativar termos que são irrelevantes para os seus produtos. “Usado”, “barato”, “online”, “gratuito” são os termos mais frequentemente negativados. #ficaadica

Configurar segmentações, extensões e ajustes de lance

Assim como feito em qualquer outro tipo de campanha, também se deve ficar atento a segmentação geográfica dessa campanha, limitando o alcance às cidades relevantes para sua empresa. Também é uma prática fundamental criar extensões de sitelink, chamada, frases de destaque, local, entre outras. Além disso, a campanha de anúncios dinâmicos permite ajustes de lance de acordo com a localidade, dispositivos e outros parâmetros. Ficar atento ao que dá mais resultado para seu negócio é sempre fundamental!

#Bônus – Mapeando URLs de anúncios dinâmicos

O Google gera as URLs de destino automaticamente. E se você usa uma ferramenta de monitoramento, como o ADtracker, que precisa adicionar algum parâmetro na URL para acompanhar a origem de vendas? Não tem problema!

No momento da criação de um anúncio é só abrir as “Opções de URL do anúncio” e adicionar o parâmetro conforme a figura abaixo, e pronto! Todos seus anúncios estarão mapeados automaticamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *