Geração de leads: 7 estratégias para converter seus visitantes

07/11/2018

Tempo de leitura: 6 minutos

A geração de leads é responsável por fazer seu projeto de inbound marketing tomar corpo. Veja nossas dicas para mandar bem na conversão dos visitantes!

Com um custo de aquisição cada vez mais caro, empresas e agências se veem desafiadas a otimizar sua geração de leads. Entretanto, apesar de bons índices de tráfego, muitas delas esbarram nas taxas de conversão dos visitantes, que parecem não sair do lugar. Se esse é o seu caso, estamos aqui para mudar essa realidade.

Movimentos de mercado recentes, como casos de uso indevido de informações do usuário e a própria Lei Geral de Proteção de Dados, dificultam o processo. A partir de agora, o consumidor pode, por exemplo, escolher se fornece seus dados ou não.

Essas condições exigem uma dedicação maior do profissional de marketing digital. Acompanhe nossas 7 sugestões para aumentar sua geração de leads!

1. Crie ofertas segmentadas e irresistíveis

Como você sabe, a geração de leads se baseia em oferecer conteúdo de valor aos visitantes. A possibilidade de aprender algo novo ou o acesso a informações exclusivas são condicionados ao compartilhamento de dados pessoais. Num contexto de baixa dos níveis de desconfiança do usuário, suas ofertas devem ser atraentes e persuasivas.

Procure investigar a fundo o comportamento da sua persona para identificar oportunidades de segmentação. Em seguida, planeje materiais ricos com foco em conversão. Seus e-books, infográficos e templates precisam ser únicos justamente para transmitir exclusividade e entregar mais do que o visitante busca.

Lembre-se de que vale muito mais a pena produzir um único conteúdo de qualidade do que ter vários materiais medianos. Assim, você converte leads realmente qualificados.

2. Promova webinars e podcasts regularmente

Vá além do texto escrito e experimente outros tipos de linguagem sempre que possível. Dados da HubSpot mostram que 54% dos usuários desejam consumir mais conteúdos em vídeo. Tudo bem, a gente já foi agência e sabe que produzir um bom vídeo não é tão simples nem barato. É por isso que aqui no hub nós investimos em webinars.

Ao menos uma vez por mês, selecionamos um tema quente do momento e reunimos autoridades que possam explorá-lo com profundidade, incentivando o engajamento do público com o envio de perguntas para os participantes. Com uma boa ferramenta de videoconferência, o encontro é gravado e fica disponível para acesso posterior.

Outro formato que tem crescido muito é o podcast, que depende de um pouco mais de planejamento, como explicamos neste post.

3. Crie uma série especial de conteúdos em vídeo

Se o orçamento permite explorar o potencial do audiovisual, uma série especial de conteúdos em vídeo poderá acelerar ainda mais a sua geração de leads. Com o clima de novidade diante do material, a campanha de divulgação pode ser estendida sem que você corra o risco de soar redundante ou insistente.

Um exemplo dessa estratégia é a série Marketing de Influência: uma nova relação entre você e seu cliente. Produzida pela Kuak em 2018, a produção envolveu quatro episódios divulgados semanalmente. Mesmo que um novo visitante fosse convertido na última semana, ele poderia ter acesso a todo o conteúdo.

4. Aposte no potencial do Facebook Leads

O Facebook Leads é um excelente canal de distribuição das suas ofertas. A vantagem de patrocinar conteúdo na plataforma é a criação de um formulário que substitui com total eficácia suas landing pages. E não é só isso: como os dados do usuário estão diretamente ligados ao seu perfil, ele não tem o trabalho de preenchê-los.

O fato do conteúdo ser veiculado em uma rede social aumenta ainda mais a importância de que ele tenha qualidade. Por isso, entender as particularidades de anunciar no Facebook também é fundamental para garantir o sucesso de suas campanhas. Aproveite para conhecer os hacks que usamos aqui no hub.

5. Invista no formulário de contato do seu site

Você já parou para pensar qual é a função do seu site na estratégia de marketing digital? Ele não serve apenas para apresentar sua marca e seus produtos ou serviços. Ele deve ser tratado como um canal ativo de geração de leads. Da mesma forma, o formulário de contato deve ser mais que um espaço para dúvidas ou sugestões.

Uma das alternativas para otimizar a conversão é associar o preenchimento do formulário a uma reunião de consultoria. Se o visitante chegou até seu site, provavelmente é porque ele tem um problema, certo? Logo, você deve sugerir como ele pode resolvê-lo, seja com o produto ou com a conversa com um especialista.

De qualquer forma, o ideal é que o formulário de contato seja o resultado de toda uma estratégia do site, como ensinamos a colocar em prática neste post.

6. Experimente extrair mais do mesmo tráfego

Se ainda assim seu site não estiver convertendo como o esperado, parta para uma estratégia de Conversion Rate Optimization (CRO), ou seja, de otimização da taxa de conversão. A técnica se baseia na aplicação de testes A/B com o objetivo de identificar as condições mais favoráveis à geração de leads.

Um teste de sucesso depende de alguns fatores-chave que devem ser atendidos criteriosamente. Entre os principais, estão:

  • manter uma única variável de diferença entre as duas páginas para ter certeza da efetividade de uma delas;
  • aguardar no mínimo uma semana até que os resultados possam ser mensurados e interpretados com clareza.

7. Amplie a geração de leads com o comarketing

Se nada disso estiver adiantando, pode ser que a marca precise de uma força extra para que o lead possa notá-la. Nesse caso, desenvolver uma estratégia de comarketing vai atrair mais visitantes, aumentando as possibilidades de geração de leads. Novamente, precisamos reforçar: o conteúdo será sua melhor moeda de troca.

Após planejar e executar todo o processo — que está descrito no nosso post sobre o assunto —, você ainda terá acesso aos leads do seu parceiro. Portanto, é importante que a estratégia seja muito bem pensada de modo que o público de ambas as empresas sejam o mesmo, ou ao menos semelhante.

Ah, lembre-se de incluir uma URL Builder para cada link que sua campanha de geração de leads apontar. Dessa forma, você identifica a origem do tráfego e define quais dos seus canais convertem mais visitantes.

Uma vez convertidos, seus leads precisarão ser devidamente acolhidos. Para isso, descubra agora mesmo como criar um fluxo de nutrição com inteligência!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.