Marketing de performance: saiba o que medir e como otimizar os seus resultados

12/10/2018

Tempo de leitura: 7 minutos

De nada adianta executar campanhas de marketing digital se você não acompanhar e medir seus resultados. Conheça agora o Marketing de Performance!

O artigo de hoje é destinado para dois públicos e situações. Para aqueles que fazem marketing digital, mas não medem seus resultados, seja por desconhecimento ou falta de orientação. E para quem tem controle dos seus resultados, mas não sabe como otimizar a eficiência das estratégias. O Marketing de Performance é a resposta para ambos os casos.

De início, precisamos deixar claro que há uma pequena diferença entre o Marketing Digital e o Marketing Digital de Performance. O primeiro, diz respeito a todas ações no meio digital, como patrocínio de anúncios, blog posts, social media, etc. Já o segundo, é um “ramo” do marketing digital cujo foco principal são os resultados, análises e dados. E, mais do que isso, utiliza ferramentas para o monitoramento constante, visando o aumento contínuo da eficiência das estratégias.

Pense que você, por exemplo, fez um anúncio no Facebook. É de extrema importância saber como a sua campanha performou e qual tipo de público gerou mais conversões. A partir de um estudo como esse, você consegue gastar cada vez menos para gerar leads e, consequentemente, vendas.

Quer saber mais sobre o Marketing de Performance? Continue a leitura!

Marketing de Performance: o que medir?

Uma das principais dúvidas de quem inicia uma campanha nos meios digitais é saber o que medir. Dentro do prisma do Marketing de Performance, a regra é ter cautela e mensurar apenas o que tem relação direta aos objetivos iniciais.

O Marketing de Performance visa acompanhar em tempo real a “saúde” da sua campanha a partir de vários parâmetros para, por fim, projetar os resultados. Estes parâmetros são, também, chamados de métricas ou KPI (Key Performance Indicator ou Indicador-chave de Performance).

As métricas são definidas de acordo com os objetivos iniciais da campanha. Por exemplo: se o foco é a geração de cadastros de leads no Facebook, uma das métricas importantes é o custo de cada lead, o CPL. Mas se o objetivo é a geração de tráfego para o seu site ou blog, certamente não poderá deixar de analisar o índice de cliques no seu anúncio.

Desta forma, é possível fazer o balanceamento e descobrir a melhor razão para obter o menor custo e o máximo de resultados possível com o orçamento da campanha.

Para saber exatamente qual métrica você deve utilizar dentro das suas ações de marketing digital, confira o material Métricas de marketing: como medir a performance digital da sua agência!

Performance no Funil de Vendas

Além da análise das suas ações distintas, o Marketing de Performance serve para mensurar todos os passos das campanhas no funil de vendas. Veja:

  • Visitantes:

No primeiro estágio, é necessário um alto volume de acessos no site ou blog. Por isso, é fundamental ter o total controle sobre quantas pessoas visualizaram os anúncios, receberam os e-mails e leram os conteúdos. Além disso, é preciso otimizar seus esforços para que, com o menor orçamento, se alcance a maior quantidade de pessoas.

  • Leads:

A segunda etapa do funil também tem KPIs para serem monitorados: o custo de cada cadastro, o engajamento dos seus conteúdos de mídias sociais, a quantidade de leads x segmentação de público, etc.

  • Oportunidades:

Dos emails que foram enviados, qual foi a taxa de abertura? Quantos cliques foram gerados e em que parte dos emails? Quantos leads evoluíram e quantos abandonaram a jornada de compra? Nesta etapa, também é importante o uso dos KPIs, dentro do Marketing de Performance.

  • Vendas:

A principal meta do Marketing de Performance: resultado. Neste último ponto do funil é que se refletirão todas as otimizações e todos os acompanhamentos feitos acima. Quanto melhor for a sua performance, maiores serão os resultados. Mais vendas serão feitas. E aqui também tem números para serem mensurados, como o quanto foi necessário investir para gerar cada venda.

Principais ferramentas para mensurar resultados

Atualmente, existem várias ferramentas para metrificar os resultados das ações de Marketing Digital. A maioria é paga e algumas são freeware. As principais, que você realmente precisa dominar, são gratuitas e geralmente fazem parte da própria plataforma que já utiliza ou do código que foi inserido em seu site ou página.

Conheça alguns exemplos de ferramentas para medir a sua performance:

1 – Facebook Ads

O Facebook evolui diariamente a sua plataforma de anúncios. Atualmente, ela abarca todas as etapas de um funil de vendas, desde o alcance até a venda. E, com a mesma pegada, investe na Performance. A plataforma é, hoje, composta por um dashboard completo, com todas as métricas necessárias para a otimização em tempo real das campanhas, além de realizar testes A/B automáticos e ter um estúdio de criação de anúncios de alta performance.

2 – Google Ads

Na mesma esteira, o Google evoluiu significativamente e mudou até o nome da sua plataforma, que se chamava Adwords e agora é simplesmente Google Ads. Baseada na compra de palavras-chave, agora você pode criar públicos específicos com mais facilidade e a inteligência do algoritmo se ocupa com o trabalho de juntar a galera. Também tem as métricas em tempo real para serem analisadas e otimizadas.

3 – Google Analytics

É onde você vai encontrar os principais dados de acesso do seu site ou blog. Quem entrou, quem retornou, quantas vezes, de onde veio, a origem do acesso, qual dispositivo utilizou, horário e uma infinidade de outros dados que vão servir para você montar um monitoramento completo do site. E o melhor: tudo isso de forma gratuita.

4 – Ferramenta de SEO – Neil Patel

Essa ferramenta é gratuita e tem um bônus: além de analisar o desempenho e performance da sua empresa, você poderá analisar a sua concorrência! É possível incluir a url do seu site e de mais três concorrentes, assim a ferramenta irá entregar a pontuação de cada um, juntamente com as palavras-chave usadas e o que é necessário mudar para ranquear melhor.

4 – SEMrush

Apesar de ter uma versão paga, o trial do SEMrush é um ótimo ambiente para você testar várias partes da sua campanha num único lugar: os KPIs das suas redes sociais, a eficiência das campanhas do google, a qualidade do seu site e todos os backlinks e a relevância dos textos do seu blog. E, de quebra, você consegue ótimas análises sobre os seus principais concorrentes.

5 – AdTracker

Essa é uma dica de amigo! Se você acha que facilmente irá se perder no meio dos dados e relatórios, essa ferramenta pode ser a solução. O AdTracker reune em um dashboard os dados de todas as plataformas utilizadas por você, como redes sociais e analytics, e geração de leads em tempo real. Além disso, você pode automatizar relatórios que serão enviados de tempo em tempo para o seu e-mail.

A prática leva à perfeição

Os resultados não aparecem da noite pro dia, é necessário muito estudo!

Estudar também compreende a prática e, por isso, comece treinando as habilidades aprendidas com as suas campanhas mais simples. Faça os tutoriais das ferramentas, mexa os parâmetros e analise as alterações que ocorrem. Esta evolução é o que mais importa para que você possa replicar os aprendizados para as campanhas mais caras e que deverão trazer mais resultados.

A performance é uma evolução ou um nível acima do Marketing Digital. É, na verdade, o principal trabalho do profissional de mídias digitais e deve ser, também, uma rotina para quem investe nos meios digitais. A gestão em tempo real permite corrigir desvios, melhorar a eficiência, escolher os melhores anúncios, refinar os públicos e projetar os resultados possíveis.

Neste artigo você aprendeu um pouco mais sobre o Marketing de Performance, a sua importância e como mensurar resultados. Quer saber mais sobre como alcançar os melhores resultados? Dê uma passadinha no blog da Hubify e esteja sempre antenado nas principais dicas e hacks de performance.

Até a próxima!


Este artigo foi escrito por Fabio Duran, cofundador da Hubify, Agência de Marketing Digital de Performance.

2 Comentários


    1. Muito bom saber que nosso conteúdo te ajuda nos seus negócios. Conte com a gente! Abraços

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.