Menos campanhas, mais estatísticas e análises

15/05/2018

Tempo de leitura: 4 minutos

Você quer divulgar a sua empresa em todos os canais possíveis para que ela fique conhecida no mercado e você consiga mais clientes, certo? Então você cria campanhas no Adwords, no Facebook, no LinkedIn, no Instagram, envia email marketing, e por aí vai. Chega no final do mês e os resultados não foram tão bons quanto o esperado. Qual a sua primeira reação?

  • “Vamos lançar uma nova campanha esse mês pra fazer bombar as vendas!”
  • “É hora de uma campanha com 10% de desconto em todo o site, precisamos dar um jeito de atrair clientes!”
  • “Vamos colocar uma campanha de remarketing urgente!”

Bom, se essa é a sua reação, então recomendo ler esse texto até o final com bastante atenção. Muitas vezes os “ovos de ouro” estão embaixo do nosso nariz e continuamos procurando eles como se estivessem muito distantes de nós.

Qualidade x Quantidade

Essa discussão é antiga, mas não poderia também ser mais atual. Você não precisa ter o maior número de campanhas, você precisa ter as melhores campanhas. E como fazer isso? Simples, com otimização baseada em dados. Por isso, acompanhe os resultados das suas campanhas, faça modificações e acompanhe a tendência delas ao longo do tempo.

A não ser que você esteja fazendo uma reestruturação completa de suas campanhas, faça pequenas modificações e espere tempo suficiente para ter dados que possibilitem uma decisão confiável. Lembrando que esse tempo suficiente pode variar de acordo com o orçamento disponível para a campanha, mas o tempo médio recomendado é entre 1 e 2 semanas. Altere algumas palavras-chave, ajuste a segmentação de público alvo, redistribua o orçamento… Faça isso nas campanhas que você já tem. Aos poucos você verá seu custo por conversão sendo reduzido, chegando a níveis que dificilmente uma campanha nova poderia trazer.

Em quais canais eu divulgo?

Ao invés de publicar em todos os canais possíveis, você já verificou onde seus clientes realmente estão? Se você gerar um gráfico com o número de conversão por canal de divulgação essa realidade se torna explícita rapidinho. Assim, tenho certeza que vai ficar claro decidir onde colocar o seu dinheiro e onde não.

Divulgar em todos os canais, além de ser ineficiente, traz um custo de mão de obra muito grande. Ao invés disso, que tal colocar o seu foco em otimizar as campanhas nos canais onde você tem mais conversões e mais baratas? Para isso, mantenha sempre um olho no valor da conversão em cada um dos seus canais de divulgação e não gaste o seu tempo de reunião falando sobre canais que não te trazem resultados. Foco no que importa!

Mas então eu não devo lançar uma nova campanha?

Sim, você deve. Mas antes de dizer que estou sendo contraditório, deixa eu explicar melhor:

Seu foco deve estar em otimizar as campanhas que você possui, reorganizar seu orçamento, parar de divulgar em canais ineficientes e fazer isso continuamente. Rapidamente você vai estar com 90% do seu orçamento repartido em poucos canais e poucas campanhas, trazendo resultados que antes eram inimagináveis.

E os outros 10%? Ah, esses outros 10% são para novas campanhas. Se você se fechar apenas nas campanhas que você tem, pode estar perdendo oportunidades valiosíssimas do seu mercado. Mantenha-se fazendo testes constantes com novas segmentações, palavras chave, canais distintos, etc, mas com um pequeno orçamento. Não dependa disso para sobreviver. Lembre-se, essa é a área de testes, você não deve esperar nada de resultado desse orçamento.

#Bônus: Ferramentas que facilitam a sua vida

Coletar e organizar os dados para que você tenha em mãos quais as campanhas que estão trazendo mais resultados parece algo muito trabalhoso não é? Pode ser e pode não ser, depende de você estruturar bem essa questão com as ferramentas certas!

Por fim, procure por ferramentas que possam automatizar esse processo para você, coletando dados de diferentes plataformas e os exibindo em um local único. E se a ferramenta ainda enviasse esses dados para o seu e-mail toda segunda feira não seria ótimo?

Hoje existem ferramentas que fazem esse processo de coleta, exibição e envio de dados de forma totalmente automática, sobrando para você apenas a parte de análise e tomada de decisões. Você encontra no Clint Hub o ADtracker que é capaz de centralizar dados do Analytics, Adwords, Facebook, Instagram, etc, além de coletar dados próprios para auxiliar na tomada de decisão da sua empresa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.